Sindicato dos Bancários de Mogi das Cruzes e Região
NOTÍCIAS
Santander quer extinguir cargos e colocar clientes pra fora das agências
23/01/2019
Santander prejudica clientes e expõe funcionários a indignação da população com triagem abusiva por conta de extinção de caixas. Resolução do BC proíbe barrar pagamento de contas na boca do caixa

Chegam denúncias, principalmente de clientes e usuários de que o Santander iniciou o ano em todo o País a prática de fazer triagem na entrada das agências e recusar o recebimento de contas de concessionárias públicas e boletos de outros bancos na “boca do caixa”.

Isto faz parte de um projeto que será implantado em março com a extinção dos caixas dentro das agências e a unificação de cargos. Cada unidade terá apenas um gerente geral, outro de atendimento e assistentes de atendimento que farão tudo.

“Isto será prejudicial tanto para o bancário que acumulará funções, como para os clientes que serão obrigados a fazer todos os procedimentos nos caixas eletrônicos”, afirma Fabiano Couto, diretor do Sindicato e bancário do Santander.

O banco também estaria, conforme denúncias apuradas por Fabiano, obrigando a todos os funcionários pagarem do próprio bolso cursos de Certificação Profissional Anbima - CPA 10 e 20.

Banco Central

A resolução do Banco Central nº 3.694/09 proíbe que as instituições financeiras dificultem o acesso aos canais de atendimento convencionais, inclusive guichês de caixa aos seus clientes e usuários, mesmo oferecendo atendimento alternativo ou eletrônico. A escolha é do consumidor. 

Essa prática efetuada pelas instituições financeiras é considerada um abuso. Portanto, os bancos não podem recusar o pagamento de contas, dentro do vencimento, em dinheiro. 

Os bancários estão sendo expostos a fúria do público e devem ter consciência de que a falta de clientes dentro das unidades é uma manobra para demitir. 

O Sindicato reforça que os clientes devem ser esclarecidos para procurarem o Procon, Cidoc/ Santos e façam denúncias no Banco Central caso a diretoria do Santander continue obrigando os funcionários a barrarem clientes. 

Denuncie ao Banco Central pelo fone: 145 ou pelo site: www.bcb. gov.br. Em Santos denuncie também ao Cidoc pelo fone: 0800- 779.0151. Site do Procon: www.procon.sp.gov.br 

Liga mais cedo!

Outro problema do Santander, que o Sindicato está cobrando uma mudança de postura, é em relação à refrigeração das unidades. O sistema de ar-condicionado nas agências da Baixada Santista é acionado automaticamente em São Paulo, mas só a partir das 10 horas. 

Neste horário, durante o verão, as temperaturas já estão na casa dos 30ºC ou mais. Até a agência ficar climatizada, os funcionários já passaram horas de calor insuportável. Nesta terça-feira, 8, a diretoria do Sindicato protocolou carta nas regionais Santos e Litoral Norte solicitando a reprogramação do sistema para que o ar-condicionado seja ligado às 8h30. 

“As temperaturas na região são muito altas neste período e os trabalhadores precisam ter condições de trabalho. Seguiremos cobrando também a manutenção dos equipamentos nas unidades e tomando as medidas cabíveis para cada caso”, comentou o secretário de comunicação do Sindicato e funcionário do Santander, Fabiano Couto. 

Em novembro passado, o Sindicato enviou cartas para todos os bancos da região cobrando que fossem feitas revisões e manutenções nos sistemas de ar-condicionado, justamente para buscar evitar os problemas de altas temperaturas nessa época do ano. 

Qualquer problema em agências da base do Sindicato de Mogi deve ser denunciado para o Sindicato direto com os diretores ou pelo Whats"App 97087-8521. (Fonte: Santos Bancários)

Rua Engenheiro Eugênio Motta, 102 - Jardim Santista - Mogi das Cruzes - SP Tel: (11) 4724-9117
Sindicato dos Bancários de Mogi das Cruzes e Região © Direitos Reservados
Acessar o painel administrativo